28 de janeiro de 2018

Recomeço *

Fonte: Tumblr
    A gente sempre recomeça, se não é por uma reviravolta, é por acordar todo dia inteiro, refeito e talvez um pouco pronto ou apenas descansado. Eu peço todos os dias mais uma chance de tentar fazer dar certo. Entretanto, ultimamente eu tenho vivenciado um tipo novo de recomeço. Do tipo maior e inesperado. 
    Eu nunca tinha sequer imaginado que essa intensidade de recomeço pudesse existir, muito menos que coubesse dentro de um ser humano. Que coubesse em mim. Então, sim, eu tenho experimentado tudo que vem acoplado com o novo. Todo o percurso para que esse "corpo estranho" se aproxime e se instale tem sido sentido e vivido,sim, obrigado. Ele é inspirado no amor e tem restabelecido a ordem. 
    Mas as vezes existem as rupturas. Talvez essa, eu acredito, seja a parte mais difícil. Por mais que estejamos refeitas ainda existe o medo, esse grande babaca. Se fosse uma pessoa eu diria "Cara, você é um babaca!". O Medo pode atrapalhar os planos. Mas se as barreiras são feitas para serem transpostas, quem se importa?


____________________
Esse post faz parte do desafio criativo do Projeto Escrita Criativa

Nenhum comentário:

Postar um comentário