27 de abril de 2012

O olhar cheio de flor






Havia uma flor no meio dos entulhos
Há quem veja só a flor
Há quem veja só o lixo
...

Lucila Neves

Um comentário: