31 de dezembro de 2012

E é dada a largada!


A partir de hoje, 31, vamos iniciar a Semana Comemorativa do blog que faz 1 aninho dia 05 de janeiro. Será uma semana  com  poesia, prosa, fotografia, e musica. 
Porém, contudo e, entretanto, queria primeiro agradecer à Fernanda que  me deu uma força e deu uma repaginada no blog, e que ficou lindooooo de viver concordam?
 :* pra Fernanda!

E é dada a largada!!!

Sendo este o ultimo dia do ano, copiemos o resto do mundo façamos uma pequena retrospectiva deste ano que nos deixa e que será dividida em 4 partes.
E pra começar falemos da diva, mais conhecida como A Guerreira, Clara Nunes!

Clara Francisca Gonçalves Pinheiro ou simplesmente Clara Nunes, nasceu dia 12 de agosto de 1942 no distrito de Cedro, na época pertencente a Paraopeba, interior de Minas Gerais. Em 1952, Clara venceu um concurso de canto em sua cidade interpretando “Recuerdos de Ypacaraí” tendo como prêmio um vestido azul.  Por volta de 1957 Clara mudou-se para Belo Horizonte onde, algum tempo depois,  conheceu o violonista Jadir Ambrósio que, admirado com sua voz, levou-a a cantar em  programas de rádio no qual se apresentou com o nome de Clara Francisca. 
            Em 1960, adotou o nome Clara Nunes por influência do produtor musical Cid Carvalho. Em 1965, ela passou por um teste como cantora na gravadora Odeon, onde registrou pela primeira vez a sua voz em um LP. O disco foi lançado pela Rádio Inconfidência e contava com a participação de outros artistas, todos da Odeon.
No ano seguinte, Clara foi contratada pela mesma gravadora onde lançou o primeiro LP oficial, "A Voz Adorável de Clara Nunes" que foi um fracasso comercial. Em 1968, Clara Nunes gravou "Você Passa e Eu Acho Graça", seu segundo disco na carreira e o primeiro onde cantaria sambas. A faixa-título foi seu primeiro grande sucesso radiofônico. Depois disso Clara Nunes se tornou um grande sucesso, participando de vários festivais e gravando Lp’s de grande sucesso e se tornou a maior sambista de todos os tempos.



Neste ano Clara Nunes completaria 70 anos,  e várias mídias fizeram homenagens À Guerreira  que lutou contra preconceitos e tabus, e que deixou-nos um acervo cultural maravilhoso.




O Canal Brasil, em dezembro deste ano, lançou um documentário, dividido em 5 partes, sobre Clara Nunes. A seguir outros links do documentário:






Adorei conhecer Clara Nunes!

 Beijo da Luci

Nenhum comentário:

Postar um comentário